sábado, 30 de junho de 2012

Apresentada a 6.ª edição de Artifariti 2012, um evento que contribui para a difusão internacional da realidade saharaui



A próxima edição dos Encontros Internacionais de Arte do Sahara Ocidental, Artifariti, foi apresentada esta sexta-feira no museu Rainha Sofia de Madrid, na presença de  intelectuais espanhóis e muita gente do mundo da cultura e da arte.
A 6.ª edição de Artifariti terá lugar de 20 de outubro a 03 de novembro de  2012 nos acampamentos de refugiados saharauis e nos territórios libertados do Sahara Ocidental.
Fernando Peraita, Evru e Isidro López-Aparicio 
na apresentação da obra que o 
artista Evru elaborou para ARTifariti 2012

Na intervenção de apresentação, o presidente da Associação de Solidariedade de Sevilha e fundador de Artifariti, Fernando Peraita, destacou que o evento é "um encontro de ideias criativas e um canal para a defesa dos direitos humanos e a autodeterminação nos territórios ocupados”

Por sua vez, Isidro López-Aparicio, reputado intelectual e artista espanhol e professor na Universidade de Granada, manifestou que “o projeto ideal, o que buscamos, é aquele que liberte o Povo Saharaui do seu exílio no campo de refugiados. Enquanto isso não acontecer, toda aquela proposta que contribua para lhe dar voz, levá-lo ao primeiro plano da atualidade e ajudá-lo a sair do seu isolamento através da arte será bem-vinda”, acrescentou.

 (SPS)

Sem comentários:

Publicar um comentário