sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Kerry Kennedy: a organização da vida nos acampamentos saharauis é notável

A delegação internacional do Robert F. Kennedy Center for Justice
and Human Rights junto do presidente saharaui e SG da F. Polisario
e de mulheres dirigentes saharauis


''Visitei vários acampamentos de refugiados em todo o mundo, mas a organização da vida nos acampamentos saharauis é notável", afirmou Kerry Kennedy após uma reunião com representantes da sociedade civil saharaui.
A presidente do Centro Robert F. Kennedy para a Justiça e os Direitos Humanos afirma-se como "admiradora'' da luta pacífica do povo saharaui pela autodeterminação, e afirmou que promoverá a questão saharaui em cada país que tenha que visitar e junto das organizações com quem o Centro RFK trabalha.
Kerry Kennedy expressou também gratidão pela calorosa receção que teve por parte dos saharauis aos membros da sua delegação.
Nesta reunião, os membros da delegação internacional ouviram com grande interesse as declarações dos representantes das organizações de familiares de presos e desaparecidos e as vítimas das minas terrestres colocadas pelo ocupante marroquino em particular ao longo do muro que divide o território do Sahara Ocidental em duas partes.
Os representantes das organizações de jornalistas e trabalhadores também falaram na reunião, onde uma juíza fez uma apresentação geral sobre o sistema legal do Sahara Ocidental.
Anteriormente, a delegação havia visitado os reclusos do centro de detenção por delitos de direito comum e um centro de reabilitação para menores de idade, onde os membros da deleção recolheram informações sobre as condições dos detidos.
Marselha Gonçalves Margerin, diretora jurídica do Centro Robert F. Kennedy e membro da delegação, afirmou em breve declaração à imprensa que a delegação pôde ver o que queria. Todas as portas estavam abertas à delegação.
No final da visita, a delegação foi recebida pelo presidente saharaui e SG da Frente Polisario, Mohamed Abdelaziz, na presença de dirigentes e anciões saharauis.
Antes de visitar os acampamentos de refugiados saharauis, a delegação visitou os territórios ocupados do Sahara Ocidental, onde teve uma série de entrevistas com as associações de direitos humanos saharauis.
A delegação elaborará um relatório detalhado da missão que tornará público logo que possível, informou um membro da comitiva.

Sem comentários:

Publicar um comentário