quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Christopher Ross confirma que Ban Ki-moon visitará o Sahara Ocidental em 2016


Ross (à direita) com o ministro argelino de Negócios Estrangeiros e Cooperação Internacional, Ramtan Lamamra

O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, visitará nos próximos meses a região do Sahara Ocidental para tratar de dar um impulso o processo de paz, confirmou o enviado pessoal do SG da ONU para o Sahara Ocidental, Christopher Ross.

Em declarações à agência oficial de notícias argelina APS, Ross indicou que o objetivo da viagem será “aportar um contributo à investigação de uma solução para este conflito que já dura à demasiado tempo”.

O diplomata norte-americano chegou segunda-feira à Argélia no início de um périplo regional cujo objetivo é convencer Marrocos e a República Árabe Saharaui Democrática (RASD) da necessidade de que o diálogo seja reatado.

Argélia, país que desde há 40 anos acolhe no seu território cerca de 160.000 refugiados saharauis, é a primeira etapa de uma viagem de dez dias que levará Ross também à localidade argelina de Tindouf, próxima dos acampamentos, a Marrocos e à Mauritânia.

Na primeira paragem na Argélia, Ross foi recebido pelo chefe de Estado argelino, Abdelaziz Bouteflika, além do ministro de Negócios Estrangeiros e Cooperação Internacional, Ramtan Lamamra, e pelo seu colega dos Assuntos Magrebinos, da União Africana e da Liga Árabe, Abdelkader Mesahel.

A viagem de Ross realiza-se num momento em que se repetem os apelos do próprio Ban Ki-moon para que sejam reativadas as negociações entre as duas partes do conflito para chegar a uma solução de acordo com as resoluções da ONU sobre o tema.

No termo da sua visita à região, Ross apresentará um relatório ao Conselho de Segurança antes da esperada visita de Ban Ki-moon, que provavelmente terá lugar em janeiro.

Fonte: W Radio / EFE


Sem comentários:

Publicar um comentário