terça-feira, 15 de novembro de 2016

Espanha: PSOE, Podemos e nacionalistas pedem ao Governo que impulsione na ONU um referendo no Sahara




PSOE, Unidos Podemos, Compromís, PNV e a antiga Convergència apoiaram esta terça-feira uma concentração da Coordenadora Estatal de Associações Solidárias com o Sahara (CEAS-Sáhara) diante do Congresso dos Deputados para reclamar ao novo ministro de Negócios Estrangeiros, Alfonso Dastis, que aproveite a presidência espanhola do Conselho de Segurança da ONU para impulsionar uma solução política, através de um referendo para o conflito do Sahara Ocidental.

À concentração, cuja palavra-de-ordem central era 'España no descoloniza', assistiram representantes da CEAS-Sáhara e de diferentes partidos como PSOE, Unidos Podemos, Compromís, PNV e a antiga Convergència. O PP e Ciudadanos decidiram não aderira à convocatória.

Os partidos e associações participantes na concentração pediram ao novo Governo e ao novo chefe da diplomacia espanhola que a Espanha ao presidir durante o mês de Dezembro ao órgão máximo de tomada de decisões das Nações Unidas, "assuma a sua responsabilidade de ter abandonado o povo saharaui" no Acordo de Madrid firmado em 1975.


Fonte: Europa Press

Sem comentários:

Publicar um comentário