quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

ONU nomeia um general chinês como comandante da missão no Sahara Ocidental




O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, nomeou o general de divisão Wang Xiaojun, da China, como comandante da força da Missão das Nações Unidas para o Referendo no Sahara Ocidental (MINURSO).

“O general de divisão Wang sucede ao general de divisão Muhammad Tayyab Azam do Paquistão, cujo período de serviço terminou a 7 de novembro de 2016”, afirmou o porta-voz adjunto da ONU, Farhan Haq.

A Minurso foi estabelecida em 1991 pelo Conselho de Segurança com o objectivo de procurar uma solução para o Sahara Ocidental, cujo território é disputado por Marrocos e pela Frente Polisario, apoiada pela Argélia, desde que o poder colonial espanhol se retirou em 1976.

O porta-voz adjunto da ONU afirmou que Wang “tràs consigo 40 anos de experiência militar nacional e internacional já que de 2006 a 2016 sirviu como adido militar nas embaixadas da República Popular da China no Brasil, índia, Suécia e Estados Unidos de América”.

Wang “também exerceu o cargo de comandante de sector das Nações Unidas na Minurso de 2003 a 2004 e foi observador militar das Nações Unidas no Kuwait de 1992 a 1993”, acrescentou Haq.

O general de divisão é mestrado em Administração Militar pelo Instituto de Ciência Militar do Exército Popular de Libertação e licenciado Comando e Tecnologias de Comunicação pela Escola de Comando Militar de Nanjing, China.

Wang nasceu em 1959, é casado e tem dois filhos.


Fonte: Radio Internacional da China    

Sem comentários:

Publicar um comentário