quarta-feira, 15 de abril de 2020

“Soukeina. 4.400 días de noche” - documentário sobre uma saharaui encarcerada durante 12 anos em prisões secretas marroquinas




“Soukeina. 4.400 días de noche” da realizadora Laura Sipán (Espanha) revela-nos a superação e resiliência de uma activista saharaui desaparecida nas prisões de Marrocos
O Observatório Aragonês para o Sahara Occidental permite-nos que o vejamos online. São 28’ 53’’ de documentário que vale a pena ver.


Soukeina Yedehlu - Foto deJuan-Manzanara

Filmado em Smara, nos territórios ocupados do Sahara Ocidental, e na capital aragonesa, o documentário teve a sua estreia em Saragoça, em 2015. Posteriormente, participou com sucesso em diferentes festivais de cinema, incluindo o Fisahara e o Camerimage - O Festival Internacional de Cinema de da Polónia.
O filme conta a história de Soukeina Yedehlu e ocorre após a ocupação militar do Sahara Ocidental por parte de Marrocos ,em 1975, quando centenas de pessoas foram vítimas de desaparecimento forçado em prisões clandestinas. Soukeina foi uma delas. Esteve desaparecida 12 anos e, quando saiu, o seu mundo havia-se desfeito em mil pedaços.
Fonte: arainfo.org

Sem comentários:

Publicar um comentário