quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Total termina a prospeção de petróleo ao largo do Sahara Ocidental devido aos resultados dececionantes




O gigante francês do petróleo, a Total, vai cessar a prospeção petrolífera ao largo da costa do Sahara em virtude de resultados considerados dececionantes, informa o órgão de informação “Courrier Picard” citando uma fonte próxima do dossier. 

Segundo a mesma fonte, a sociedade francesa não deverá pedir o prolongamento da sua autorização de prospeção no bloco de Anzarane ao largo da costa da cidade saharaui de Dakhla, junto à fronteira com a Mauritânia.

«Os resultados dos estudos geológicos levados a cabo no bloco de Anzarane, no qual a Total trabalha desde 2011, não são encorajadores, e a autorização de prospeção não será transformada em licença de exploração» afirmou um porta-voz da Total à agência France Presse.

Sem comentários:

Publicar um comentário