domingo, 3 de março de 2013

Grupo de deputados apresenta no Parlamento britânico moção para que sejam revogadas sentenças contra os presos políticos saharauis de Gdeim Izik




Na referida recomendação afirma-se: ”A Câmara dos Comuns tendo em conta as preocupações expressas pela Amnistia Internacional e outras organizações em relação ao julgamento e condenação dos 24 ativistas saharauis dos direitos humanos ante um tribunal militar; tendo também em conta o aumento de violações de direitos humanos no Sahara Ocidental; e reconhecendo a necessidade de incluir nas competências da MINURSO a faculdade de vigiar os direitos humanos; pede ao governo britânico que intervenha junto do governo marroquino para revogar as condenações por motivos políticos  pronunciadas  contra os ativistas de direitos  humanos saharauis.



Sem comentários:

Publicar um comentário