sexta-feira, 8 de março de 2013

Marrocos furioso com presença de Ross na projeção do documentário de Javier Bardem



A imprensa marroquina arremeteu ontem contra o Enviado Pessoal do SG da ONU para o Sahara Ocidental, Christopher Ross, por este ter estado presente no evento realizado na terça-feira passada na sede da ONU consagrada aos direitos humanos no Sahara Ocidental.

Segundo os marroquinos, foi uma sessão de projeção de "uma película de insultos a Marrocos" realizada por Javier Bardem "seguida de um debate sobre o Sahara orientado segundo as teses argelinas".

" A esta sessão, diz um diário digital marroquino, assistiu o Enviado Pessoal do Secretário-Geral das Nações Unidas, o norte-americano Christopher Ross, ao lado da ativista separatista Aminatu Haidar e um número destacado de mensageiros da propaganda argelino-polisaria em Nova Iorque, como Kerry Kennedy".



A mesma fonte acrescenta que Ross terá declarado que "é uma pena que Marrocos continua a recusar o referendo de autodeterminação no Sahara".

E em desesperada tentativa de meter em apuros o Enviado Ross, a mesma fonte publica no seu artigo a foto de Ross ao lado de Aminatu Haidar e outros militantes em El Aaiun durante a sua recente visita ao território saharaui.

Sem comentários:

Publicar um comentário